3 dicas de segmentação de clientes para otimizar resultados

Data

Por Valentina Sales - 14 de Agosto de 2019

A segmentação de clientes é a chave para uma boa contextualização, uma das palavras mais importantes na comunicação digital. Saber quem é seu Buyer Persona, quais os seus interesses e em que posição da Jornada do Consumidor eles se encontram, são informações essenciais para quem deseja ter uma comunicação que traz mais resultados.

Enviar emails em massa para toda a base de contatos requer um grande esforço, mas traz poucos resultados. Além disso, as métricas mais importantes da campanha acabam sendo desperdiçadas, já que a diversidade de pessoas e momentos da Jornada do Cliente impedem que uma análise profunda sobre a relevância do conteúdo. 

Mas, pior do que esforços desperdiçados da equipe de marketing e insights menos poderosos, a falta de segmentação de clientes pode causar um atrito totalmente desnecessário com contatos que ainda não estão qualificados para uma abordagem comercial.   

Por isso, hoje eu vou te mostrar como fazer uma segmentação de clientes que te ajudará a enviar mensagens mais assertivas e, por consequência, conseguir mais resultados em suas campanhas. 

Dicas de segmentação de clientes

Dicas de segmentação de clientes

1 - Dados demográficos

A segmentação de clientes por meio dos dados demográficos costuma ser a primeira maneira que os profissionais de marketing utilizam para se comunicar com os prospects. Estes dados incluem idade, sexo, nível de renda e posição na empresa. Quanto mais informações você tiver dos seus leads, mais opções terá para a segmentação demográfica.

A maneira mais fácil de segmentar por meio destas métricas é com os formulários do seu site. Tome cuidado para não pedir informações demais. Isso pode afugentar o seu lead. Solicite o preenchimento das informações mais importantes e, com o tempo e relacionamento, vá pedindo mais informações.

Por que isso importa? Porque com as informações sobre a demografia da base você pode avaliar quais informações, produtos ou serviços são realmente relevantes para determinados grupos. Assim como você evita ruídos nos relatórios sobre o resultado. 

Por exemplo, se a oferta da sua campanha é voltada para homens com mais de 40 anos, e toda sua base recebe emails sobre o assunto, a taxa de aberturas, cliques e compras claramente será ruim, não porque sua mensagem foi ruim, mas porque ela atingiu muitas pessoas que não se interessam por isso. 

2 - Resultados de questionários e pesquisas

Os questionários oferecem insights valiosos sobre crenças individuais, gostos e preferências dos clientes. Crie algum tipo de incentivo, como a possibilidade de ganhar um prêmio, para estimular seu preenchimento. Você pode transformá-la em um questionário que ofereça resultados que interessem ao seu público.

Por que isso importa? Com essa segmentação, você consegue identificar clientes que estão satisfeito com seus produtos, para oferecer novas oportunidades (Cross Sell e Up Sell), incentivar que ele faça um depoimento sobre sua marca, ou até mesmo o premiê. Além disso você ainda evita fazer campanhas comerciais para clientes insatisfeitos. 

Caso você queira destacar as provas sociais do seu produto (um dos mais eficientes argumentos de vendas na internet), você pode utilizar essa segmentação e pedir um feedback mais elaborado dos clientes muito satisfeitos. 

3 - Jornada do Consumidor

A segmentação de acordo com a posição na Jornada do Consumidor é uma das maneiras mais valiosas de personalizar sua mensagem. Pessoas que ainda estão avaliando suas próprias dificuldades (dores) precisam receber mensagens personalizadas diferentes daqueles que já estão na fase final de decisão sobre as alternativas mais benéficas. 

Por que isso importa? A segmentação permite que você possa fazer campanhas que “conversam” com as dores do cliente. Técnicas mais avançadas de automações de marketing ainda permitem que você mande sequências de mensagens, por diferentes canais, para ajudar o lead por toda sua Jornada. 

Uma das recomendações que mais fazemos é a utilização dos Workflows da HubSpot para criar sequências de mensagens que ajudam os leads gerados a darem os próximos passos em sua jornada, através de conteúdos, informações, e ferramentas relevantes e necessárias para que ao fim, ele esteja apto a tomar a decisão de compra. 

Listas inteligentes da HubSpot

Listas inteligentes da HubSpot

Eu sei que criar, atualizar e gerenciar essas listas pode exigir um grande esforço, e que muitas empresas simplesmente não tem tempo hábil pra isso. Por isso, infelizmente, ainda é muito comum aqueles emails que vão para toda a base e trazem poucos resultados. 

Mas, com as listas inteligentes da HubSpot, tudo fica muito mais fácil. Com ela, você pode criar listas gerenciadas automaticamente conforme as informações armazenadas no CRM são atualizadas.  

Dessa forma, o gerenciamento é rápido, impede o erro humano, e ainda permite uma infinidade de outras maneiras de segmentar sua base de contatos (a partir do CRM).

Para conseguir utilizar todo o potencial das Listas Segmentadas, em estratégias omnichannel que vão garantir uma experiência única e inovadora para seus leads e clientes, fale com um especialista da NA5. Ficaremos felizes em te ajudar a alcançar os melhores resultados para a sua empresa.

NA5 Hub de Crescimento
Comentários

Você pode cancelar a sua assinatura a qualquer momento.