Conheça o SMarketing para vender mais com Marketing Digital

Data

Por Daniel Sanchez - 09 de Novembro de 2015

Você já prestou atenção no impecável nível de sincronia realizado em um pit stop de uma corrida de Fórmula 1? São cerca de 20 mecânicos que se dividem freneticamente em dezenas de micro tarefas, abastecendo o carro, trocando pneus e até limpando o visor do capacete do piloto, tudo perfeito, sem erros e... em uma média de 2,30 segundos!

O trabalho dos boxes nesse esporte de velocidade nos dá uma verdadeira aula do que é trabalho em equipe e do quão longe ele pode nos levar. Mas — você deve estar pensado — o que isso tem a ver com SMarketing? Pode ter certeza de que a resposta é muito, e é isso que você entenderá nas próximas linhas!

SMarketing: Sales + Marketing = aumento na taxa de conversão de leads qualificados!

SMarketing: Sales + Marketing = aumento na taxa de conversão de leads qualificados!

Entre tantos novos prismas que o Inbound Marketing tem trazido ao mundo corporativo, um dos mais interessantes é o conceito de SMarketing. Ele decorre da nociva concorrência interna que se verifica em muitas empresas, entre os times de Marketing e de Vendas, que se portam no dia a dia como se fossem adversários dentro da própria organização.

O problema é que essas duas áreas são diretamente responsáveis pelos resultados financeiros da empresa (leia-se: receitas!) e a falta de coordenação e harmonia entre esses setores costuma sufocar a expansão das corporações.

Para se ter uma ideia, segundo dados do Arbedeen Group divulgados pela Hubspot, as empresas que têm seus times de Marketing e Vendas bem alinhados conseguem alcançar uma taxa média de 20% de crescimento anual! Nada mal, não é?

Conceito

O SMarketing é, portanto, a integração plena entre os departamentos comercial e de Marketing, harmonizando suas metas e objetivos em torno do mesmo alvo. É a compreensão de que são times diferentes, mas que trabalham com o mesmo funil de vendas, embora em diferentes etapas.

Enquanto o Marketing é responsável pela abordagem de estranhos e sua conversão em leads, a área de Vendas irá dar seguimento ao processo comercial, transformando esses leads em clientes e, posteriormente em verdadeiros “missionários” da empresa!

Vantagens do trabalho em SMarketing

Os benefícios do SMarketing podem ser sentidos em diferentes escopos:

Vantagens do trabalho em SMarketing
  • Departamento Comercial: recepção de leads com muito mais qualidade, o que faz com que o time de vendasconsiga fechar negócios com mais frequência e menor tempo despendido.

  • Departamento de Marketing: recepção de feedback constante da equipe comercial, o que a municiará para entregar leads ainda mais qualificados em uma próxima investida, formando um fluxo contínuo de crescimento e maturação comercial.

  • Empresa, de forma global: aumento da produtividade de ambas as equipes, redução de custos (pela redução de investidas do time de Vendas em compradores ainda na fase embrionária de “consciência” do que a empresa oferece), aumento de faturamento com a ampliação na quantidade de vendas concluídas, melhor motivação dos colaboradores, etc.

O talento vence jogos, mas só o trabalho em equipe ganha campeonatos!

O SMarketing busca introjetar na dinâmica das áreas de Vendas e de Marketing a ideia de que elas lidam diariamente com o mesmo pipeline de vendas e que é somente com um trabalho verdadeiramente harmonizado e em sincronia perfeita (lembra-se do exemplo da F1?) que a empresa conseguirá otimizar o processo de transformação de prospects em leads, de leads em clientes e de clientes em divulgadores da empresa. Isso em uma escala exponencial!

Etapas de implementação do SMarketing:

Interessado em colocar o SMarketing em prática no seu negócio? Siga os passos abaixo:

  1. Definição de objetivos: a partir de reuniões conjuntas entre os dois departamentos, defina uma meta de leads mensais a serem trabalhados para alcançar uma
    determinada receita.

  2. Nível de qualificação dos leads: discuta conjuntamente quantos são os canais de comunicação usados e quais os mais efetivos. Aqui, é importante dar ouvidos à área de Vendas, já que o nível de qualificação dos leads não se obtém pela quantidade de informação que temos deles, mas de seu grau de maturação. Não se esqueça disso!

  3. Estratégia de cultivo: fundamental para reduzir o custo de oportunidade no trabalho do time de Vendas. Filtrar, com o auxílio do Marketing, quem são seus sales-ready leads (clientes prontos para serem “fisgados”) e deixar os demais em stand-by para amadurecerem.

  4. Ouvir: os conteúdos usados para promover os produtos ou serviços estão funcionando? O trabalho de promoção da marca está adequado? O contato direto com o cliente pode ajudar a encontrar as respostas.

  5. Flowing Tracking: departamento comercial deve conhecer com perfeição os mecanismos usados pelo Marketing na conversão de leads, conteúdos utilizados na apresentação dos produtos/serviços, etc. São 2 times e 1 alvo: aumento do faturamento!

Gostou de conhecer o SMarketing? Vai usá-lo na sua estratégia de Marketing Digital? Lembre-se: quem faz o que sempre fez continuará obtendo o que sempre obteve.

Comente, conheça outros artigos do blog, aprofunde seus conhecimentos em Inbound Marketing e não deixe as novidades do mercado te engolirem!

15 motivos para contratar HubSpot Sales Starter
Comentários

Você pode cancelar a sua assinatura a qualquer momento.